SindicarioNET - Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS e Região
CUT BRASIL Contraf FETEC

Campanha Nacional 2013

Imprimir e-mail aumentar a fonte diminuir a fonte
Publicado em 24 de Abril de 2013 às 10:29
Bancários continuam paralisação por assédio moral e discriminação em duas agências do Itaú

O Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS e Dourados estão realizando desde segunda-feira (22) manifestação nas agências do banco Itaú, na área central de Campo Grande. Conhecido como "Projeto Corredor", a adoção de horários diferenciados foi uma atitude unilateral do Itaú e que atingiu cerca de 450 agências no Brasil. 

São muitos os problemas que afligem os bancários nas agências do Itaú. Além do horário estendido e da cobrança de metas abusivas e diárias, a mudança de nomenclatura de cargos de caixa, desvio de função de gerentes operacionais e a falta de funcionários. A vida dos gerentes operacionais também não está fácil. Com a gradual extinção dos cargos de chefes de serviço e supervisores e com a falta crônica de funcionários, eles estão sobrecarregados, sendo deslocados para trabalhar no caixa, sem fazer hora de almoço nem tirar férias completas. 

Para a presidenta do Sindicato, Iaci Azamor Torres, a entidade é a favor da ampliação do horário de atendimento. “A proposta dos Sindicatos dos Bancários do país é que os bancos abram das 9h às 17h, com dois turnos de trabalho de cinco horas, mas lembrando de que o banco exclui a população, pois atende apenas até às 16 horas, depois deste horário, a entrada nas agências com horário estendido só é permitida para os clientes do banco”, enfatiza Iaci.

 

Demissões discriminatórias e assédio moral

Na agência Personalite, da Rua Cândido Mariano, em Campo Grande, os diretores e associados do Sindicato estão em manifestação desde segunda-feira (22) para combater algumas atitudes que a gestão do banco Itaú Personalité tem em relação a demissões de mulheres, que na agência vem perdendo o direito de se tornarem mães.

O Sindicato vem lutando contra tais acontecimentos, mas na semana passada houve denúncias de mais uma demissão discriminatória na agência do Itaú Personalité contra as mulheres e assédio moral da administração da mesma.

Para diretora do Sindicato, Janaína Dean “o sindicato sempre combaterá o assédio moral, e principalmente na agência Itaú Personalité, pois as denúncias estão sendo constantes, causando pressão psicológica nos funcionários. Sabemos que é frequente esta atitude por parte dos gestores desta agência." "Aqui mulher não pode engravidar. Engravidou, é demitida quando retornar da licença-maternidade", denuncia Janaína Dean, funcionária do Itaú e diretora do Sindicato dos Bancários de Campo Grande”.

Após a manifestação, a direção do Sindicato dos Bancários juntamente com a CONTRAF-CUT, encaminhará ofícios para o Ministério do Trabalho e para o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (CNDM) para que sejam investigados tais fatos através de denúncias recebidas e aguarda posição de ambos.

Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS e Região de Mato Grosso do Sul - Rua Barão do Rio Branco, 2652 - Jardim dos Estados

Campo Grande-MS - Telefone: 67 3312-6100 / Fax: 67 3312-6116