11 de Junho de 2019 às 09:11

Diretores participam de encontro preparatório para Conferência Nacional dos Bancários

Movimento Sindical

 

Entre os dias 5 e 7 de junho, aconteceu a 12ª Conferência Regional da Fetec-CUT/CN, em Brasília. O encontro teve como objetivo discutir e aprovar as propostas que os bancários do Centro-Norte levarão à Conferência Nacional da categoria, que acontece entre os dias 2 e 4 de agosto, em São Paulo.

Representando o SEEBCG-MS, participaram do evento a secretária de finanças, Neide Maria Rodrigues, e o secretário geral, José dos Santos Brito.

Na pauta, estavam a análise de conjuntura política e econômica, defesa dos bancos públicos, comunicação sindical, organização sindical e mudanças estruturais do trabalho bancário. Ao final da conferência, a Fetec-CUT/CN também realizou assembleia geral ordinária anual.

Segundo a dirigente sindical Neide Rodrigues, o encontro foi muito importante para manter a categoria unida diante da luta a favor dos trabalhadores.

“Mesmo tendo acordo até 2020 com os bancos, temos muitos assuntos importantes em defesa da categoria como, por exemplo, o combate às privatizações, assédio moral, combate ao projeto de lei para abertura bancos aos finais de semana, organização dos trabalhadores contra reforma da providência e a nossa organização sindical, muito importante para a luta de todos os trabalhadores”, pontuou Neide.

O presidente da Fetec-CUT/CN, Cleiton dos Santos, ressaltou a gravidade dos desafios urgentes que a sociedade brasileira enfrenta, porque “se a reforma da previdência for destruída e os bancos públicos privatizados, não tem depois como fazer essa reconstrução” em um curto período de tempo.

A conferência aprovou a intensificação da campanha em defesa dos bancos públicos na região Centro-Norte, com a criação de comitês nos Estados e municípios, reuniões com governadores e prefeitos e audiências públicas nas assembleias legislativas e câmaras municipais, para mostrar a importância das instituições financeiras federais e estaduais no desenvolvimento econômico e social de toda a região.

Levantamento apresentado na conferência mostra, por exemplo, que 100% dos financiamentos imobiliários e 81,7% de todas as operações de crédito no Mato Grosso são efetuados pelo Banco do Brasil, pela Caixa ou Banco da Amazônia. Ou que 87% da população do Acre recebe Bolsa Família pela Caixa. Números parecidos, com variação pequena para cada Estado, ocorrem em toda a região.

Foi debatido também a criação de um Coletivo de Comunicação da Fetec-CUT para aprofundar a discussão sobre a necessidade de atualizar e ampliar a comunicação sindical, inclusive pelas redes sociais, tanto com a categoria bancária como com a sociedade.

Plano de Saúde Bradesco

Durante a Conferência Regional, foi convocada uma reunião entre o RH do Bradesco e representantes do Plano de Saúde do banco, para o próximo dia 17, em Campo Grande.

Segundo o diretor do sindicato e membro do COE Bradesco Centro Norte, José dos Santos Brito, na pauta serão debatidas as melhorias necessárias para o Bradesco Saúde e os demais assuntos pertinentes para os bancários.

“Nesta reunião serão discutidas soluções para os problemas relacionados ao plano de saúde, como por exemplo, burocracia nos credenciamento médicos, dentistas e clínicas a necessidade de atualizar o site, a inclusão de especialistas e dentistas no plano de saúde e as demais barreiras encontradas pelos bancários que precisam do plano”, afirmou.

Por: Assessoria de Comunicação do SEEBCG-MS com informações da Fetec-CN

Convênios saiba +

Clube de campo saiba +

Jogos/ Resultadossaiba +

Parceiros